• Plantão

    Refúgio Biológico de Itaipu volta a receber turistas


    Após três meses fechado, o atrativo retoma as visitas com atenção às medidas de prevenção ao novo coronavírus.

    Os cuidados com higiene e segurança foram redobrados para a retomada das visitas turísticas ao Refúgio Biológico Bela Vista (RBV), nesta quarta-feira (17). Tranquilizados pelas medidas de prevenção ao novo coronavírus aplicadas pela equipe do Complexo Turístico Itaipu, os turistas aproveitaram a oportunidade para conhecer, ou rever, as trilhas e o zoológico do espaço. 

    Embora o roteiro do passeio continue o mesmo, foram feitas várias adaptações para reforçar a segurança. “Nosso objetivo é garantir a mesma experiência e atender com todo o carinho de sempre, mas, acima de tudo, respeitando todos os protocolos contra a covid-19”, explicou Yuri Benites, gerente geral do Complexo Turístico Itaipu. 
    Os passeios ao Refúgio Biológico continuam ocorrendo de terça-feira a domingo, mas com apenas duas saídas, às 9h30 e 14h30, no lugar das seis opções de horários disponíveis anteriormente. Também serão apenas 12 pessoas por carro – cada veículo comporta até 40 visitantes, mas o número foi reduzido para evitar aglomeração. 



    A visita da tarde desta quarta-feira (17) teve oito participantes. Os primeiros a chegar foram os pernambucanos Carlos e Iamara Xavier e a pequena Marina, que moram em Foz do Iguaçu há um ano, mas ainda não tinham feito o passeio em família. Iamara, que é enfermeira, viu na reabertura uma boa oportunidade de levar o marido para conhecer o Refúgio. “Sabemos que é tudo muito organizado e bem cuidado. É uma maravilha poder retomar as atividades aos poucos”, disse ela.

    A família Almeida ouviu o anúncio de que as visitas ao Refúgio seriam retomadas durante o passeio Itaipu Panorâmica que fizeram no último domingo. E não perderam tempo: agendaram a visita para mostrar o espaço à visitante Micheli Celso, de Florianópolis (SC). “Sabemos que é um lugar muito bonito e ficamos felizes de saber que nossa futura nora poderá conhecê-lo logo em sua primeira viagem a Foz”, disse o comerciário Daniel Almeida, casado com Rosimary e pai de Lucas e Daniela. 

    A visita ao Refúgio é guiada e tem três horas de duração. Durante o percurso, o turista receberá informações detalhadas sobre a fauna e a flora locais e sobre o trabalho de Itaipu para recuperação da biodiversidade na região. Os turistas são convidados a levar água, pois os bebedouros do RBV estão fechados, seguindo recomendações da Prefeitura de Foz do Iguaçu. 


    Retomada

    A volta da visitação ao Refúgio Bela Vista ocorre uma semana após a reabertura do Itaipu Panorâmica, passeio que percorre os pontos mais importantes da usina hidrelétrica. 

    O próximo atrativo de Itaipu a voltar a receber turistas será o Ecomuseu, no dia 24 (próxima quarta-feira), das 10h às 17h. A Itaipu Iluminada tem previsão de retorno no dia 1º de julho, às 19h30. A partir desta data, volta a ocorrer às sextas e aos sábados. O circuito interno na usina, Itaipu Especial, ainda não tem previsão de reinício.

    Mais informações sobre passeios e reservas podem ser encontradas no site: www.turismoitaipu.com.br  




    Visita mais segura

    O Complexo Turístico Itaipu adotou uma série de medidas de segurança sanitária para retomar a visitação, entre elas, a aquisição de robôs de desinfecção de áreas do circuito, tapete sanitizante, aferição de temperatura dos turistas, higienização dos ônibus a cada nova visita e colocação de álcool em gel em diversos pontos do CTI. 

    O protocolo de segurança para a visita ao Refúgio Biológico Bela Vista inclui:
    - Obrigatório o uso de máscaras, mesmo em espaços abertos;
    - Obrigatório passar pela barreira sanitária com: tapete sanitizante, álcool em gel e aferição de temperatura corporal;
    - Caso o visitante apresente a temperatura maior ou igual a 37,8° ou sintomas gripais, pedir para o visitante aguardar e acionar a supervisão pelo rádio, que comunicará ao plantão coronavírus;
    - Álcool em gel disponível em vários locais do atrativo, como: balcão de informações, banheiros, hall de entrada, bistrô, loja de souvenirs etc;
    - Restrição aos bebedouros;
    - Distanciamento mínimo de 2 metros entre as pessoas;
    - Utilização apenas da parte aberta dos ônibus, mantendo o distanciamento entre as fileiras; ao final de cada visita, promovendo a limpeza e desinfecção dos veículos.

    Outros atrativos da cidade, como o Parque Nacional do Iguaçu (PNI) e o Marco das Três Fronteiras, também adotaram medidas sanitárias para evitar a proliferação do novo coronavírus. Barreiras sanitárias foram montadas nos hotéis e resorts de maior porte, com a exigência de cumprimento de protocolos de segurança exigidos pelas autoridades de saúde. 

    Grande parte das ações está sendo articulada dentro do Programa Acelera Foz, que une os esforços de oito entidades parceiras. O programa tem a coordenação estratégica do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Foz do Iguaçu (Codefoz), Itaipu Binacional, Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Prefeitura de Foz, Sebrae, Programa Oeste em Desenvolvimento, Associação Comercial e Empresarial de Foz do Iguaçu (Acifi) e Conselho Municipal de Turismo (Comtur).

    Fonte: Assessoria

    Dr Flavio
    CEO - República De Curitiba Oficial
    Blogueiro, Empreendedor, Produtor Cultural, Social Media e Amante do Direito...
    '' Invista nessa marca, visite nossa loja oficial''

    Nenhum comentário

    Obrigado pelo seu comentário, Lembrando que você é responsável juridicamente por tudo aquilo que escreve e, se solicitado, enviaremos as informações às autoridades competentes caso o conteúdo do comentário afronte a Lei.

    Post Top Ad

    ad728
    ad728

    Post Bottom Ad

    Monitoramento Redes Sociais, Clipping.